Total de visualizações de página

quinta-feira, 12 de julho de 2012

QUE MORAL TEM UM ANÔNIMO?


Que moral tem um anônimo? Talvez, para você, que não tem caráter e moral, seja de suma importância ser um anônimo, pois não precisa se identificar, continua sendo amigo do chefinho, fala mal dele, mas continua ao seu lado o tempo todo, sabe que as coisas estão de mal a pior, mas continua a combater críticas opositoras como se fosse um leão defendendo sua caça. Mesmo assim, qual é o seu ganho com isso? Dinheiro, status, arroz e feijão na sua mesa, o leitinho das crianças, festas regado de picanhas e mulheres bonitas, shows com direito a camarote? Tenha vergonha na cara senhor anônimo, não é de festas que se constrói um homem, mas sim de caráter, educação, moral e acima de tudo honestidade. Pare de comprar brigas e achar que está com a razão, pois nunca, em toda a minha existência, ouvi dizer que um anônimo ganhou o prêmio Nobel da Paz e muito menos ajudou um município a se desenvolver. Portanto, se quiser comentar no meu blog, comente, faça todas às criticas, construtivas ou não, mas coloque NOME, pois ANÔNIMO e NINGUÉM, para a minha pessoa, não significam NADA

13 comentários:

  1. Na verdade o anonimato não deixa de ser uma ferramenta aos covardes, acomodados e apedeutas de plantão.... Jamais me utilizei desse recurso e, provavelmente não o farei. Acho que o caráter obriga o ser humano a assumir seus feitos e sua palavra, já errei, assumi e corrigi. Isso é normal... Concordo, não há que se dar nenhuma credibilidade a um comentário qualquer nessas condições, ou é mentira, ou não tem base comprovada, ou é picuinha....

    ResponderExcluir
  2. Ilustre Sildete, além da assertiva neste seu texto, os incautos anônimos deveriam ler a definição desse adjetivo, qual seja, "indivíduo obscuro, sem nome ou renome", de tal forma que deveriam se recolher a latrina e só conviver com os porcos da humanidade. Não só tenho sérias restrições aos anônimos como, também, aos que dão voz a esses energúmenos, sob a desculpa do direito a "livre expressão". Opinião de anônimo (de quem não existe) é expressão nenhuma. Se for livre expressão é pior ainda, pois, não há responsabilidade, ou responsável. Portanto, ato de covardia. É ou não é?

    ResponderExcluir
  3. No Facebook e nos blogs políticos de Ibiúna desfilam os mais renomados chavequeiros da cidade, os bons de BOCA. São praticamente poéticos em suas declarações, obstinados pelo texto bem redigido e coisas do gênero. Mas e lá na rua? NADA. Só balela. Conversa jogada fora em balcão de Botequim. Entra por um ouvido e sai pelo outro. Agora aqui todo mundo mostra a cara, é dono da verdade e tal. Mas esfrega na venta as "verdinhas" que já começam a tomar partido por "A" ou "B" para tentar convencer quem ainda bisbilhota por aqui. Vão tomar as usas cachaças, fumar seus baseados e larguem do nosso pé, os anônimos. Como você já descreveu, "ANÔNIMO - indivíduo obscuro, sem nome ou renome". Então por isso me sinto a vontade para mandar vocês, Milton Giancoli e Gildete Pereira "catar coquinho", já que não quero usar de baixo calão(ainda).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O homem sem cultura vive inquieto por ser um ignorante. E em determinados momentos ele pode se tornar violento e arrogante.
      (Gilson Celestino De Souza Silva).

      Excluir
  4. Ilustres, como se vê, pelo texto do anônimo revoltado não estamos falando com um iletrado. E pelas evidências, como diria Holmes, é candidato e tem medo de contar quem é, para não tirar a mascara. No entanto, continua "ANÔNIMO" e obscuro. Pior, ainda acha que tem o direito de responder porque vestiu a carapuça de Zé Ninguém. Quanto a ameaça da rua, como citou meu nome, estou a disposição, desde que venha pessoalmente e não mande os capangas. Não obstante, como aqui me identifico, podemos usar um fórum mais civilizado e adequado... a justiça. Só pelo prazer de saber quem você é, pode me processar. Mas se você tiver caráter para rever seu anonimato dou-lhe o conselho de Desmond Tutu "Não levante a voz, melhore seus argumentos". E só para harmonizar o nosso convívio, espero que você vá para o mesmo lugar que espera nos mandar. Gde abraço!

    ResponderExcluir
  5. Poxa, Milton, fiquei lisonjeado por não me consideram um ILETRADO. Vindo de você, um quase "imortal da academia de letras ibiunense" eu tenho que considerar. Você subiu no meu conceito. Vou tomar como elogio. E sobre ameaça, não meu caro, eu disse que sua postura na rua não condiz com a qual você demonstra aqui na web, só isso. Longe de mim ameaçar alguém. Cruz credo. Sou da Paz. Olha a minha mãozinha no formato de pomba, ó.
    Na realidade vocês se estressam com pouco. Só falei o que pensava e vocês já vem com papo brabo de processo, capanga e tal. Mas na realidade o que eu só quis dizer é que não utilizem, não divulguem esse papo de que fulano é mau porque é "forasteiro". Do jeito que vocês "ibiunenses" fazem, vocês colocam todo mundo no balaio. FORASTEIRO não é BANDOLEIRO. E vai caçar o que fazer, Milton. Abraços.

    ResponderExcluir
  6. Que pena que você continua covarde e no anonimato. Teríamos muito a discutir, se já não fizemos isso em outras redes sociais, pois a redação é quase uma assinatura de quem conheço. Por essa razão, vou lhe dar o benefício da dúvida. Agora, quanto a sua preocupação com nossa resistência aos forasteiros, talvez, você não consiga entender que não é prudente assinar folhas de cheque em branco para quem não sabemos de onde veio e o que fez nessa vida profissional política. Se você assistir televisão, vai ver que de político safado e boa intenção o inferno está cheio. Quanto a caçar o que fazer, não preciso, eu tenho, mas sempre me sobra um tempinho para defender uma causa que os anônimos não têm coragem de encarar. Enfim, quanto as demais falações ilustre, deixa de ser hipócrita, quando ameaçar...assume. Gde abraço de tamanduá pra vc também!

    ResponderExcluir
  7. Anônimo não tem moral nenhuma, Sildete. No Panorama eu tento dar uma freada quando estão muito "agressivos"...rs

    ResponderExcluir
  8. A opinião anônima é importante sim. Caso contrário não teria tamanha relevância, digna de um texto que discorre sobre sua "insignificância" e de um autor que, paradoxalmente, nega o que afirma e discute sozinho. Afinal, anônimo não é ninguém?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. CARLÃO DA NAUTICA18 de julho de 2012 11:47

      Sr. Anonimo, vc me parece uma pessoa com cultura suficiente pra discernir o certo do errado. Por favor, vamos debater civilizadamente, com nomes ou até apelidos, pois o que buscamos não é o melhor para a cidade, para nós mesmos e nossos familiares, com bons serviços públicos ? Faça seus comentários e reverta a situação, pois até agora vc não ofendeu e nem foi ofendido. Explique sua preferencia politica e conversaremos , quem sabe chegamos aum denominador comum ? Ser chamado de forasteiro não é ofensa, lembra-se que te disse que eu tambem sou um forasteiro ? Até logo e obrigado querido futuro amigo...

      Excluir
  9. Então ilustre... considere a minha paciência de perder tempo com um mala que não vai "caçar o que fazer" um ato de bondade e, mesmo que pequeno, nunca será em vão. Acho que não preciso te lembrar que quem começou esse papo de jacaré foi você. É ou não é? Então, pensei, quem sabe conseguimos resgatar esse anônimo das sombras para que ele digar a mando de quem, vem fazer considerações descuidadas sobre certos forasteiros. Eu não aceito isso, porque certas figuras gospiram em famílias ibiunenses e amigos que eu prezo. Desonraram nossa gente e acham que vai ficar por isso mesmo. Agora, acredite, falar com um insignificante, dignifica meu lado caridoso. Quero resgatar você para as luzes da ribalta. Não resista, dê o seu nome, viva para a ombridade e o dever de colaborar com o futuro da nossa gente. Isso é ser um ibiunense de verdade. Te garanto!

    ResponderExcluir
  10. Corrigindo... "cuspiram" e foi bravo a ofensa!

    ResponderExcluir
  11. Na verdade anonimo não deveria poder postar nada, ou alguem ja viu um veiculo com o documento escrito "anonimo"? ou um cheque assinado por "anonimo" isto posto, anonimo e ninguem é igual a nada, ou seja quem tem um minimo de senso, vergonha na cara, semancol e até coragem e moral,- vai sempre postar usando o nome como assinatura! Oque acontece nos blogs da vida que lemos, é que pessoas inescrupulosas, mal caráteres e dissimuladas, se utilizam dessa idiotice para falar mal da vida dos outros com medo de serem processadas por mentiras e difamações.

    ResponderExcluir